Mulher bonita de verdade

Casal perfeitoEu acho que toda mulher tem que estar sempre bonita pra segurar o marido.

“Nossa, que pensamento arcaico!”. Bom, depende do que é ser bonita para você. Se é ser magra, malhada, bronzeada, loira do cabelo liso, não estamos falando a mesma língua.

Pra mim, ser bonita de verdade é me aceitar e me gostar do jeitinho que sou, com meus pontos fortes e meus defeitinhos, físicos ou não. É cuidar da saúde do corpo, mente e alma. É buscar aprender coisas novas e ser uma pessoa interessante, com papo, com opinião.

É não me preocupar em me encaixar em padrões de beleza ou personalidade.

Pro relacionamento a dois, nada pior que se tornar um parceiro sem sal, vaidoso e raso. De que adianta ser uma esposa linda e gostosa se não incitar no outro a vontade de te conhecer melhor, de crescer juntos, de trocar experiências? Quem quer uma esposa que só fala em regime, malhação, tratamentos estéticos? Uma mulher cuja principal preocupação é ser bonita?

Eu busco ser linda e gostosa, sim.Casal perfeito Faço meu regiminho, me matriculei na academia e cuido bem da pele e do cabelo. Mas mais que isso, eu busco ser uma mulher de autoestima. E digo “busco” por que não é automático. Preciso relembrar desse objetivo de tempos em tempos.

Olho minhas fotos de adolescente e me acho linda nelas, apesar de desengonçada. Mas lembro muito bem que, naquela época, meu grande sofrimento era não ser considerada bela pelos meninos da escola.

Graças a Deus, eu cresci e expandi os horizontes. Aprendi que existem várias formas de ser bela, mas todas elas passam pelo amor próprio.

Se  vocês concordam comigo, convido a conhecerem o espaço Mulher bonita de verdade do site Cuide da Pele, do qual sou fui community manager, e aprofundar a discussão sobre a relação da mulher com o tempo, a beleza e a vida.

E esse papo de segurar o marido, como a Gisele bem levantou a bola nos comentários, também precisa ser esclarecido. Segurar o outro, pra mim, é continuar a cativar quem a gente ama dia após dia, ano após ano, com amor, carinho, tesão, mimos e outros truques do amor. Por que segurar no sentido quase literal, de impedir que o outro fuja, não está com nada. Quem não me quer tem mais é que sumir da minha vida! Mas isso é assunto pra outro post…

Fotos: Lili Ferrari (clicada por Felipe Hellmeister) e Gabi Bianco (clicada pela Ariane Freitas), duas das mulheres bonitas de verdade que me inspiram, com seus respectivos maridos.

27 thoughts on “Mulher bonita de verdade

  1. Puxa, Cíntia, “segurar o marido”?

    Acho que quando rola amor, ninguém precisa segurar ninguém, né? Expressão infeliz, que não combinou com o resto do texto – excelente.

    Abraço!

    1. Oi Gisele! Eu quis usar essa expressão justamente por ser uma expressão bem da machista que já ouvi muitas vezes por aí. Como se a gente tivesse que segurar mesmo, não deixar escapar. Se escapar, a culpa será sua, que não foi mulher direito! Super concordo com você: ninguém tem que segurar ninguém! Tem razão, mesmo explicando o que é ser bonita, faltou explicar o que é segurar….Vou arrumar.

  2. Muito bem! Aprendeu com a mãe, ein?
    Sempre procurei me cuidar, mesmo sem grana , nunca deixei de fazer minhas unhas, usar meus creminhos, etc…..e tb nunca deixei de cuidar do meu trabalho, das amizades, da leituras dos meus livros, de viajar com amigas , etc….etc….

  3. Acredito que o amor faz a pessoa ver tudo de outra forma.. Como uma lente de contato que aumenta o brilho e contraste de cores de tudo que se vê! Uma vez que se ama verdadeiramente alguem, você ama inclusive suas cicatrizes e/ou defeitos físicos pq sabe que estes detalhes ajudaram a moldar a pessoa que ele/ela é hoje!
    Toda mulher tem receio de que seu marido (namorado e etcs) possa perder o interesse nela e comece a buscar a beleza física em outras mulheres.. Acho que é isso que faz as mulheres se preocuparem tanto com o visual. O medo de ser comparada com mulheres de padrões estéticos difíceis de serem atingidos. É preciso muita auto estima para não se sentir ameaçada por todos os “estimulos” externos que cercam os nossos amados! É preciso muito conteúdo =)

  4. Oi Cíntia!!!

    Me chamo Fernando, e não sou muito de postar comentários em blogs, mas lá vai…

    Acredito que todas as coisas citadas são válidas…
    Mas, acima de tudo, temos que nos sentir parte do(a) companheiro(a)…
    O alicerce do amor é a amizade, o respeito e a verdade…
    Mas para que isso aflore, é preciso ver além dos olhos…
    Temos que buscar juntos a verdadeira razão da união, que está muito longe do simples querer…
    Transpor as barreiras que nos prendem à materia, e desfrutar da energia que emana do outro, e nós mesmos…
    Assim, nunca nos preocuparemos em segurar alguém, pois este alguém será parte de você e você parte dele…

    Parafraseando Vinícius:
    “Me desculpem as feias, mas beleza é fundamental”…
    Mas de que beleza estamos falando?

    Muita PAZ, e SORTE na vida!!!

    Fernando Rossi
    orkut: Fernando Rossi Careca

  5. Caramba, que honra ser citada como mulher bonita, ainda mais junto com a Lili, que eu acho lindona.
    Aliás, vou ser sincera: quando está séria, a Lili não ém linda, é só uma moça normal. A transformação acontece quando ela dá um sorriso enorme e cheio de brilho. Aí sim ela fica linda e é impossível não sorrir de volta! Tem uma estrela, essa mulher. 🙂

    E aproveitando: A dona desse blog também é uma mulher bonita de verdade, com pele de porcelana e olhos grandões e brilhantes! =D

    1. Gabs, você é uma inspiração ambulante pra mim e sabe disso, né? E assino embaixo do comentário sobre a Lili: quando ela sorri, ilumina todo o ambiente e dá na gente uma vontade de ser assim, feliz… Beijos

  6. Na minha opinião, esses pots são bons, pois às vezes o dia-a-dia corrido nos faz esquecer certos valores.
    Li os comentários de algumas meninas e acredito que não temos que concordar ou discordar completamente, mas o mais legal é se permitir refletir sobre o assunto. Vamos pensar um pouquinho no que a Cíntia quis dizer?
    Váááárias partes do post me fez lembrar algumas coisinhas que aconteceram comigo e que eu trago como uma lição para manter meu equilíbrio quase total.
    As opiniões estão aí, e nos cabe respeitar e tomar para si o que acreditamos conveniente (seja bom ou não para os outros). Só não vale surtar com a ditadura da beleza e se transformar num ser vazio! Rsrsrs.
    Quando nos amamos “todos” os relacionamentos são mais prazerosos (acho que até com o chefe chato – rsrsrs – exagerei?).

    Fiquem todas (os) na paz. Super beijo!

    1. Oi Carolina! Bacana seu comentário… E penso que, sim, os relacionamentos são todos melhores, inclusive com chefe chato – que não consegue nos deixar pra baixo, se estamos confiantes por dentro. Beijos!

  7. Cíntia! Post fan-tás-ti-co!!! A-mei! Eu tb acho que “toda mulher tem que estar sempre bonita pra segurar o marido”: tem que estar bonita por dentro, feliz consigo mesma, com sua vida! E segurar mesmo, como vc disse, cativar! Engraçado… antes de ler a sua explicação pro “segurar” eu já tinha lido com o significado de “cativar”! Algumas vezes nem estou me achando assim tão linda fisicamente, mas se estou feliz, de bem com a vida, vejo claramente nos olhos do meu namorado aquela admiração, aquele olhar de quem diz “Nossa! Como vc É linda!” e depois ainda sussurra isso no meu ouvido!!! Impagável!!! Parabéns, Cíntia, por mais um post inspirador!

  8. É Cíntia…
    Parece que a “mulherada” não gostou muito do meu comentário…

    Mas de qualquer forma, se quiserem ver uma das maneiras em que aplico o que escrevi, podem visitar meu orkut e ver as fotos com dedicatórias no álbum “Felicidade a maior busca do ser”…

    PAZ!

  9. Boa tarde! Ontem assistindo ao Happy Hour fiquei sabendo do site, muito legal, amei todas as dicas. Eu também sou recém casada, morando longe de meus pais, irmãs, sogros e amigos, então um espaço assim me ajuda muito!
    Vc tem twitter? Qual é?
    Abraços

  10. Olá!
    Li o post e gostei muito… encontrei seu blog pesquisando na internet se tinham mais pessoas com a mesma situação com a minha… eu nunca fui de seguir padrões de beleza, e mesmo assim sempre me achei bonita. Mas não sinto que desperto desejo no meu marido… isso vem desde o namoro e eu achei que era pela falta de tempo e que depois que a gente casasse, isso iria melhorar… doce ilusão… mesmo tentando algumas coisas, como esperá-lo cheirosinha com uma linda lingerie não funcionam. Eu tento me cuidar dentro do possível, pois é dificil ter grana depois do casamento… faço minhas unhas, me mantenho sempre depilada, etc…. nosso relacionamento é muito saudável, brigamos raramente e temos muita cumplicidade…. mas qdo se trata de sexo… fico a ver navios… é muito estranho por sermos recém casados. Alguém pode me dar alguma dica? Alguém já passou ou passa por isso? Me sinto muito sozinha nessa situação e não consigo ver soluções… fora que a autoestima fica lá no pé!!! Um beijo e parabéns pelo blog.

    1. Oi Carol, tudo bem? Que situação complicada… Quer um conselho de amiga? Primeiro, converse a respeito com seu marido. Sei que às vezes a gente tem vergonha de falar nessas coisas, mas diáologo é essencial prum bom relacionamento (e prum bom sexo também!). Depois, procurem a ajuda de uma terapeuta de casais. Eu sou apaixonada por terapeutas, são pessoas que nos ajudam a perceber o que nos trava, nos deixa tristes, nos impede de ficarmos bem, e nos ajuda a corrigir a rota. Super recomendo! Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top